Rien Qu’un Acteur suivi de Farben, Mathieu Bertholet

2021

Título: Rien Qu’un Acteur suivi de Farben

Autor: Mathieu Bertholet

Língua: Francês

Tipologia: Peças de Teatro

Ano: 2006

Editora: Actes Sud

ISBN: 978-2-7427-6252-3

Sinopse: “Rien qu’un Acteur”: Do entre-guerras aos anos sessenta, a ascensão  irresistível de um grande actor alemão cruza-se com a vida trágica de um escritor que se lhe opõe. Enquanto o primeiro se torna um dos mais servis artistas do regime nazi, os “enfants terribles” de Thomas Mann, Erika e Klaus, exilam-se para fazer resistência pelos próprios meios: o teatro e a literatura. Klaus Mann denuncia o actor e o seu oportunismo num romance, Mephisto, uma das origens desta peça. Tudo está então a postos para um vertiginoso caleidoscópio de figuras de artistas face ao poder, aos seus próprios demónios e às suas personagens.

“Farben”: Durante a “Belle Epoque,” Clara Immerwahr, a primeira mulher química da Alemanha, casa-se com Frtiz Haber, pesquisador “para o bem da humanidade”. Mas, enquanto Clara é constrangida a limitar-se à química apenas da sua cozinha, Fritz inventa, passo a passo, os primeiros gases de combate. Quadros de cores fortes, do verde ácido ao vermelho sangue, formam a paisagem emocional de Clara e prefiguram, ao longo de todo este mergulho onírico, a sua reacção irreversível face às escolhas corrosivas do marido.

fundo