Luz de Perdição

2015

Fotos | © Maria João Almeida/Francisca Moreira

 

Estreia:
25 de Setembro de 2015 | 21h30 e 23h
Anfiteatro do laboratório chimico – Museu da Ciência da Universidade de Coimbra

Sobre a peça:
Luz de Perdição é a nova criação teatral que a Marionet, o Museu da Ciência da Universidade de Coimbra e um grupo de investigadores científicos estão a preparar para apresentar na Noite Europeia dos Investigadores de 2015.
A peça, subordinada ao tema ‘luz’, foi escrita de raiz pelos investigadores participantes e é representada por estes no Museu da Ciência.

Sinopse:
Maria da Luz, conceituada investigadora científica na área da visão humana, num toque irónico do destino vai perdendo gradualmente a visão. A peça apresenta as suas tentativas de lidar com o problema, mostra uma emocionante relação amorosa e uma vingativa traição científica, e esboça um retrato de ferocidade num laboratório científico, habitat de investigadores mergulhados em exigentes e competitivos percursos profissionais. Tudo isto num mundo controlado pela sombra misteriosa de uma personagem com o nome de Dr. Light.

Ficha Artística e Técnica:
Discussão e ideias: Ana Arromba Dinis, Cristiana Paulo, Cristina Tavares, Carlos Matos, Ermelindo Leal, Eunice Oliveira, Frederico Dinis, Josephine Blersch, Margarida Coelho, Maria João Almeida, Mário Montenegro, Rosa Baptista, Sara Amaral, Teresa Carvalho

Texto: Cristiana Paulo, Carlos Matos, Ermelindo Leal, Eunice Oliveira, Josephine Blersch, Mário Montenegro, Rosa Baptista, Sara Amaral

Elenco: Cristiana Paulo, Cristina Tavares, Carlos Matos, Ermelindo Leal, Eunice Oliveira, Josephine Blersch, Margarida Coelho, Maria João Almeida, Mário Montenegro, Rosa Baptista, Sara Amaral

Encenação: Mário Montenegro

Figurinos e adereços: Joana Cardoso

Penteados: Carlos Gago

Iluminação e montagem: Mafalda Oliveira

Fotografia de cena: Francisca Moreira

Produção executiva: Joana Macias

Co-produção: marionet | Museu da Ciência da Universidade de Coimbra

Apoios:
Câmara Municipal de Coimbra, Fundação Bissaya Barreto, Ilídio Design, MAFIA – Federação Cultural de Coimbra, TAGV

Agradecimentos:
Condomínio Criativo

fundo