Carl Djerassi deixou-nos

2015

Foi com enorme tristeza que recebemos a notícia da morte de Carl Djerassi. Carl ficou famoso por ser um dos investigadores responsáveis pela pílula contraceptiva, mas nas últimas décadas dedicou-se afincadamente a um percurso no mundo da literatura, sendo autor de um conjunto de obras em diferentes géneros, traduzidas num vasto número de línguas. No campo dramático, tornou-se uma voz importante na prática e na reflexão teórica daquilo que ele próprio baptizou de “science-in-theatre”. A marionet estreou em 2011, em Coimbra, uma peça sua, “Cálculo”, na qual teve o privilégio de o ter entre o público, e prepara-se para estrear uma outra em Abril, “Ego”, na qual já sabemos que infelizmente não o vamos ter connosco. E é por isso que estamos muito tristes. Carl fazia uma questão enorme que “Ego” fosse apresentada em Portugal pois aborda Fernando Pessoa e os seus heterónimos, e comissionou à marionet a produção dessa peça entre nós. Desejava muito ouvir as palavras desta sua peça em português. Malogradamente deixou-nos antes que isso pudesse acontecer. E já sabia que assim seria. Mas, como era típico do seu carácter, decidido e pragmático, manteve a vontade firme de ter esta sua peça representada em Portugal. E assim será. Mais uma das inúmeras consequências que a sua energia vital deixa entre nós. Obrigado Carl e até sempre.

O seu obituário na página da Stanford University.

fundo