marionet acolhe trabalhos inéditos em Coimbra | De 23 a 1 de Outubro

2011

           

A marionet acolhe na Casa das Artes da Fundação Bissaya Barreto, durante a última semana de Setembro, o trabalho de alguns artistas que considera importantes e próximos do seu próprio trabalho. Exposições, projecções de vídeo e concertos todos inéditos na cidade de Coimbra e vindos de autores que na maioria já trabalharam com a companhia ou podem vir a fazê-lo no futuro dada a proximidade de abordagens artísticas.

A selecção de trabalhos inclui a editora de vídeo-arte “Graw Böckler” sediada em Berlim, o grupo português de música exploratória “HHY & The Macumbas” que tem impressionado o circuito da música com presença nos principais palcos e publicações, mas o destaque vai para a exposição “GRADAÇÕES DE TEMPO SOBRE UM PLANO” dos artistas Mariana Caló e Francisco Queimadela, este último natural de Coimba e expondo nesta cidade pela primeira vez.

Os dois concertos incluídos na programação destes dias são uma co-produção com a Rádio Universidade de Coimbra, nesta altura a comemorar 25 anos de emissões em FM.

Dia 23 |19 horas

Inauguração da exposição “GRADAÇÕES DE TEMPO SOBRE UM PLANO

Projecto que está a ser desenvolvido por Mariana Caló e Francisco Queimadela e parte de uma  reflexão e interpretação sobre o entendimento da noção de Tempo, como uma dimensão simbólica da realidade, mas também como um conceito abstracto, relativo a algo que é imaterial e que simultaneamente “precede a materialidade”. Recentemente partilharam a mostra de ilustrações “CONTOS SEM DÓ” e conseguiram a bolsa Artistas em Residência da Fundação Calouste Gulbenkian, em Gasworks. Membros do colectivo PISO e Altes Finanzamt.

Oficina Arara: apresenta-se como um laboratório de artes gráficas equipado para trabalhar em serigrafia, funcionando também como espaço de acolhimento para diversas práticas e cruzamentos artísticos. Foi fundada em 2010 por um grupo de artistas, designers e um engenheiro, da qual fazem parte: Dário Cannatà, Dayana Lucas, Luís Silva, Miguel Carneiro e Von Calhau!.

Dia 23 | 22horas

Concerto  “HHY & The Macumbas”

O projecto HHY & The Macumbas é liderado por Jonathan Uliel Saldanha (aka HHY), um grupo activo em música exploratória. HHY é multi-instrumentista, fundador e produtor do Coletivo Soopa, produtor de “Mécanosphère” e colaborador de “Dub Mavericks” com Raz Mesinai (aka Badawi) e Mark Stewart (da editora On-U Sound). Recentemente, lançou o álbum “The Earth As A Floating Egg” editado pela Soopa, descrito pela revista Kindamuzik  como um trabalho “épico no qual a alienação é central”. Os seus trabalhos apostam em estratégias de dub para desfragmentação de som pesado, low-end de pressão e Magic. Este ano, apresentou os seus trabalhos em várias espaços destacando-se o Festival Sonar e Filmer LaMusique Festival.

Dia 24 | 21h00

Graw Böckler:  Ursula Böckler e Georg Graw mentores do projecto, produzem filmes e fotografia. Actualmente operam um espaço de projecção temporária e DVD label “Raum für Projektion”, em Berlim.

Dia 24 |22horas

Concerto Ghuna X

Pedro Augusto, colaborador musical nos mais recentes trabalhos da Marionet, vem a Coimbra para apresentação do seu primeiro LP sob pseudónimo Ghuna X. Um trabalho disfuncional e apocalíptico, retrato de vários anos de actividade e ligações temáticas diversificadas, materializado ao longo de 30 minutos numa edição limitada em vinyl transparente, de 250 exemplares em capas serigrafadas e estampadas à mão.

As exposições “GRADAÇÕES DE TEMPO SOBRE UM PLANO”, “OFICINA ARARA” e “SECOND THOUGHTS” vão estar patentes ao público na Casa das Artes da Fundação Bissaya Barreto até sexta-feira, dia 1 de Outubro, de segunda a sábado, entre as 14h e as 20h. Nos dias 23 e 24 estarão disponíveis selecções de fanzines, cartazes, discos e edições de autor.

fundo